Seja inesquecível Resumo - Roberto‌ ‌Kovalic

Aprenda a aprender de casa! Para você usar o tempo a seu favor! REDUZIMOS A ASSINATURA EM 30%!

Oferta por tempo limitado!

1400 leituras ·  5.0 avaliação média ·  1 avaliações

Seja inesquecível

Seja inesquecível Resumo
Desenvolvimento Pessoal

Este microbook é uma resenha crítica da obra: Seja inesquecível: Acabe com o medo, domine a linguagem corporal e verbal e use a neurociência para expressar ideias e encantar qualquer público

Disponível para: Leitura online, leitura nos nossos aplicativos móveis para iPhone/Android e envio em PDF/EPUB/MOBI para o Amazon Kindle.

ISBN: 978-85-452-0392-6

Também disponível em audiobook

Resumo

Seja inesquecível é indicado a quem tem dificuldades para se comunicar, falar em público e se expressar, de um modo geral. 

E quem tem a missão de apresentar as boas técnicas são especialistas na área. Você já conhece o jornalista Roberto Kovalick da televisão. Ele trabalha há décadas no Grupo Globo e conhece os desafios de entrar ao vivo para cobrir grandes eventos. Leny Kyrillos, Robson Gonçalves e Cintia Borsato são especialistas em comunicação e neurociência. 

A partir de agora, o suor excessivo e a mão tremendo terão fim ao falar em público e expor ideias. Seja para grandes públicos ou para pequenas plateias. Venha com a gente aprender, nos próximos 12 minutos, o melhor da comunicação, combinando ciência e prática.

O desafio do elevador e a importância da comunicação

A oportunidade da sua vida pode aparecer a qualquer momento, sem que você possa fugir.

E você precisa tomar uma atitude imediata, não há possibilidade de adiar.

Suponha que essa chance surja dentro do elevador. Você chega para mais um dia de trabalho e segura a porta do elevador para alguém entrar. É o presidente da empresa. Enquanto sobem, ele pergunta qual sua função por ali e demonstra muito interesse na resposta. A impressão é que tudo pode mudar de acordo com suas palavras.

Como você responderia? De que forma iria se comportar? 

Pois é. Em poucos segundos, sua vida está em jogo. A porta do elevador vai abrir a qualquer momento. Nesses segundos, terá que convencer o chefão de sua importância no trabalho.

É por isso que dominar a arte da comunicação é urgente, para todas as ocasiões. Precisamos estar preparados, não existe alerta para o grande momento que pode mudar sua vida.

O mapa do caminho para a comunicação eficaz

A jornada para uma comunicação efetiva passa por três etapas: o self, o near e o cloud.

Vamos falar sobre cada uma delas daqui a pouco. Esse caminho está dentro de cada um de nós. Precisamos superar as ansiedades, os medos, as fraquezas e reconhecer nossas qualidades para superar os defeitos de comunicação.

E se queremos transmitir mensagens com sucesso, conhecer esses três passos para chegar ao destino evita complicações.

Self

Aqui está a base para a comunicação. Ela é construída dentro de nós.

No self, precisamos superar estresse, cansaço, ansiedade e tudo que impeça a comunicação efetiva. É a fase mais importante. 

Seu maior inimigo para a boa comunicação é você mesmo. Sem o autoconhecimento necessário, nenhuma técnica será suficiente para falar em público da melhor maneira.

Near

É o trabalho de aprimoramento na apresentação das ideias. A boa comunicação nada mais é do que contar uma história. 

Durante esse processo, deve-se criar empatia, usando recursos verbais e não verbais disponíveis.

A linguagem deve ser adequada para cada público e o gestual precisa ser um aliado nesse momento.

Cloud

Fique atento à janela da incerteza.

Para todo processo de comunicação, preparar-se para imprevistos é crucial. Situações como a pergunta surpresa do elevador podem acontecer de diversas maneiras.

Ninguém espera que na chegada ao trabalho o chefe fará uma pergunta que pode mudar a sua trajetória profissional, certo?

E o inesperado pode acontecer em qualquer lugar, a qualquer momento. Você pode ser pego de calças curtas, mas quanto mais preparado estiver, maior será o jogo de cintura para lidar com isso.

Comunicação envolve risco

Chegamos na metade deste microbook, e ressaltamos aqui que é preciso ter em mente que a comunicação é uma vida de mão dupla. Ninguém fala sozinho. Se não houver um interlocutor, não há comunicação.

E se só somos responsáveis pelos nossos atos, nunca saberemos, como os outros vão reagir ao que pretendemos comunicar. 

Motivações diversas, expectativas, bagagem cultural e outras particularidades se colocam entre o emissor e o receptor. Mesmo o melhor comunicador do mundo está propenso a riscos, esperados ou não.

A partir desse ensinamento, a autocobrança deve diminuir, porque o processo de comunicação não é uma certeza. Nem toda comunicação será bem-sucedida. 

Senciência e autocontrole

A neurociência diz que o passo do self está associado à senciência. Ela nada mais é do que a consciência do sentir. É perceber o que acontece internamente.

Todos os animais têm algum nível de senciência. Por isso, perceba seus estados emocionais de acordo com o que acontece ao redor. 

Como você reage com imprevistos? Este é o primeiro passo para chegar ao autocontrole, que não é um processo simples ou repentino.

Você fica aborrecido ou bem humorado em quais situações? Faça exercícios e anote suas mudanças de comportamento de acordo com cada situação. Com essas projeções, você terá maior noção de como reage em meio aos imprevistos da comunicação.

Comunicação é competência

A comunicação assertiva atinge o outro da maneira mais próxima que a desejada. Ela consiste no equilíbrio entre ser passivo ou ser agressivo ao expor uma ideia. Em alguns casos, podemos falar com calma. Em outros, é necessário ser mais enérgico para convencer quem nos ouve. 

Você deve investir seu tempo na preparação da mensagem a ser passada. Busque elencar os principais pontos em uma sequência que faça sentido. Fale de maneira direta, objetiva e simples. Pense em que tipo de abordagem é a adequada para cada situação.

Esse exercício de aprimoramento da comunicação reduz a tremedeira e o nervosismo que surgem a cada novo imprevisto. Numa boa comunicação, você precisa demonstrar o quanto está disposto a ouvir o que o outro fala. Em caso de dúvidas, repita o que o outro diz. Assim, ficará claro que compreendeu a essência daquela intervenção.

Treine sozinho, fale em frente ao espelho e conheça melhor sua voz. Quando ela treme? Está muito alta ou muito baixa? Quais suas reações diante de contestações? Se necessário, grave sua fala e ouça repetidas vezes.

Com o aprimoramento da comunicação, a imagem que você passa é de competência em cada palavra dita. Busque usar metáforas e analogias, tenha imagens e a expressividade como suas aliadas. Assim, todos vão se convencer com sua oratória e você diminuirá os riscos.

Comunicação eficiente pressupõe autoconhecimento

O autoconhecimento é a principal ferramenta para uma comunicação eficiente. Afinal, quando falamos, revelamos quem somos e mostramos nosso interior, mesmo de forma involuntária. 

Não deixe seus erros transparecerem. Trabalhe para eliminá-los conhecendo a si próprio. Assim, a produtividade de qualquer apresentação aumenta. 

É natural sentir aquele friozinho na barriga antes de falar em público. Esse é o estresse amigo, que aparece e mantemos no controle. Já o estresse inimigo, que faz muita gente travar, tremer e suar, pode impedir alguém de falar em público. E só pode ser eliminado com treinamento à exaustão. 

Para finalizar, tente responder essas perguntas que até parecem óbvias. Quem você é? Do que você gosta? Quais suas fraquezas e forças?

A partir delas, trabalhe suas forças, treine suas fraquezas e vire um comunicador pleno, sem medo de surpresas. Elas podem surgir no elevador da empresa ou nas ruas, com um microfone nas mãos, prestes a falar ao vivo com milhões de telespectadores. 

Notas finais 

Já que falar em público não é fácil, seguir as lições de um renomado repórter e de estudiosos da neurociência e da comunicação faz a diferença ao discursar para um número considerável de pessoas. O autoconhecimento é fundamental para saber em quais momentos a voz trava. A prática faz toda a diferença. 

Dica do 12’

Já colocou em prática as lições para falar melhor em público. Confiar na própria capacidade é fundamental, por isso, complemente o aprendizado ouvindo o microbook A arte da autoconfiança.

Cadastre-se e leia grátis!

Ao se cadastrar, você ganhará um passe livre de 3 dias grátis para aproveitar tudo que o 12min tem a oferecer.

ou via formulário: