Falando em público Resumo - Vilson Santos

Aprenda a aprender de casa! Para você usar o tempo a seu favor! REDUZIMOS A ASSINATURA EM 30%!

Oferta por tempo limitado!

1853 leituras ·  4.3 avaliação média ·  631 avaliações

Falando em público

Falando em público Resumo
Desenvolvimento Pessoal

Este microbook é uma resenha crítica da obra: 

Disponível para: Leitura online, leitura nos nossos aplicativos móveis para iPhone/Android e envio em PDF/EPUB/MOBI para o Amazon Kindle.

ISBN: 

Também disponível em audiobook

Resumo

Falar em público pode ser um verdadeiro e imenso desafio para muitas pessoas. Mas, é tão somente por meio da comunicação que os seres humanos podem partilhar informações. Estar de fora disso é uma grande perda social, então, que tal aprender neste livro a falar em público? Aqui, você vai entender mais sobre como se comunicar de forma clara e funcional.

O microbook é recomendado para todas as pessoas que têm dificuldade de falar em público, ou que desejam aprimorar a oratória. Ideal para ser lido em momentos de concentração, preferencialmente em casa.

Vilson Santos é um especialista em Marketing Pessoal, assim como, em Oratória. Nesse livro ele conversa conosco sobre os conceitos da boa comunicação e de como fazer uma apresentação sem temor. Que tal aproveitar os próximos 12 minutos para entender tudo o que ele tem a te ensinar?

Coisas necessárias

O carisma é algo fundamental para definir o dom de influência e fascinação que um indivíduo pode exercer sobre um público.

No mundo profissional saber comunicar é um desafio e algo essencial para ter destaque.

Existem duas formas de comunicação:

  • A comunicação interior que é aquela que uma pessoa tem consigo mesma;
  • A comunicação externa que é utilizada para nos comunicar com o mundo.

Uma pessoa que domina a arte de falar em público, tem a possibilidade de defender uma ideia para várias pessoas. Quando se fala bem em público, isso gera uma admiração ficando dessa forma mais fácil de convencer as pessoas sobre o que se está falando.

Divisão da comunicação

  • Emissor – pessoa que fala. Ela deve ter: motivação, credibilidade e desempenho.
  • Receptor – pessoa que escuta o que se fala, uma plateia por exemplo
  • Mensagem – é o objeto da comunicação entre emissor e receptor. Deve ter:
  1. conteúdo: objetivo da apresentação
  2. estilo: éa maneira como o conteúdo ser-apresentado
  • - estrutura: é a organização da mensagem com todos os elementos ligados de forma organizada
  • - código: as regras que irão gerar a compreensão, ele deve ser utilizado de acordo com o público alvo
  • - canal: onde a mensagem vai circular
  • - feedback: o resultado da mensagem, saber se ela foi recebida e compreendida
  • - ruído: as interferências no processo de comunicação, pode ser externo ou de natureza física
  • - contexto: o local e a ocasião da apresentação.

Todos esses pontos são importantes para um bom desenvolvimento da comunicação. Mas não basta apenas seguir estes pontos, afinal o ser humano tem medos, bloqueios e barreiras e como devemos fazer?

Nosso maior adversário no processo de comunicação somos nós mesmos. Um ponto fundamental para uma boa apresentação em público é ter bastante conhecimento do que vai falar/discutir pois isso gera segurança.

Mesmo com total conhecimento sobre o assunto que irá tratar a pessoa ainda pode ficar com medo, tremer, ficar gelada, dentre outras sensações.

A pessoa deve identificar as principais barreiras e pontos fracos de falar em público pois a única forma de vencer essas barreiras é enfrentando-as.

Para vencer o medo existem algumas estratégias:

  • Relaxe usando a respiração;
  • Escreva o que deve falar usando tópicos;
  • Divida o tempo da apresentação;
  • Treine em frente ao espelho;
  • Apresente para um amigo;
  • Faça uma avaliação crítica de como se saiu;
  • Anote os erros e refaça a apresentação;
  • Quando for apresentar concentre-se no momento;
  • Sempre pense antes de falar;
  • Antes de uma apresentação, respire fundo, relaxe e acredite: VOCÊ ESTÁ PREPARADO!

Como se preparar - passo a passo

Falar bem requer uma preparação.

Vamos falar sobre três aspectos essenciais para preparação.

  • Autoconfiança: é acreditar que é capaz, pensando positivamente. O fato de acreditar que é capaz ajuda a eliminar as barreiras da comunicação.

Pontos e sugestões para tornar o processo de comunicação eficiente:

  1. Aceitar novos desafios;
  2. Ter sempre pensamento positivo;
  3. Amenizar o medo;
  4. Aprender a ouvir;
  5. Desenvolver suas habilidades verbais e não verbais.
  • Conhecimento: é importante pesquisar e conhecer sobre o que se deseja falar. Além da leitura sobre o assunto deve-se utilizar uma linguagem correta com uma correta pronúncia das palavras.
  • Atitudes: são ações em busca do conhecimento e aprimorando suas habilidades no processo de comunicação.
    Escrever sobre o que vai falar é um ótimo treinamento. O correto é escrever aleatoriamente sem regra padronizada, o que vem à cabeça sobre o assunto depois modele as ideias.
    Após a organização do texto a ser apresentado, deve-se treinar, ou seja, ler em voz alta várias vezes. Primeiro de forma ininterrupta, depois de forma compassada analisando os parágrafos.
    Use o espelho e leia sempre em voz alta para ouvir sua própria voz e a pronúncia das palavras.

Um bom desenvolvimento pessoal

  • Prepare-se;
  • Enfrente desafios;
  • Analise seus objetivos e desempenhos;
  • Defina prazos;
  • Pratique leitura em voz alta;
  • Goste da sua voz;
  • Observe outras pessoas falando em público;
  • Desenvolva o seu método.

Trabalhos acadêmicos

A grande maioria dos cursos de graduação existe um momento que haverá apresentações de trabalhos, na maioria das vezes em grupo.

Quando a pessoa vai apresentar um trabalho acadêmico a primeira coisa que se deve ter consciência é que todos estão em um mesmo nível, e que o ambiente acadêmico é um lugar no qual se pode errar.

Para apresentações acadêmicas pode-se seguir um roteiro:

  • Qual o assunto a ser exposto?
  • Qual o objetivo do trabalho ou do tema?
  • Quanto tempo está disponível para a apresentação?
  • Quais os aspectos mais relevantes do assunto?
  • Quais os recursos que irá utilizar? Faça sempreum esquema-guiaem fichas
  • Use as fichas somente de um lado, com letras grandes e destaque o que deve ser reforçado;
  • As fichas devem servir como um guia e não uma apostila, de forma que você possa olhar e reconhecer o assunto, sem se perder.
  • Revise várias vezes o esquema-guia para se familiarizar
  • Lembre-se, a ficha não deve funcionar como “cola”, mas como um mapa, para dar mais segurança e tranquilidade na apresentação.

Como dito anteriormente a maioria dos trabalhos acadêmicos é em grupo. Todos os componentes da equipe tem que conhecer o conteúdo total do trabalho.

Ao se colocar na frente de sala de aula, o que não é uma situação muito confortável, fique atento a alguns pontos.

Evite ficar com pé na parede. Quem está apresentando deve ficar um passo a frente dos demais e ao concluir evite o vício “ agora fulano vai falar...”Para que vai dar continuidade em momento nenhum usar expressões “na minha parte...” “ agora vou falar sobre...”.

Uma boa maneira de iniciar uma apresentação é fazendo uma pergunta que instigue as pessoas a pensarem sobre o assunto.

Durante a apresentação do trabalho acadêmico deve-se manter o roteiro estabelecido sem perder o controle do tempo.

Alguns cuidados, além dos já mencionados são importantes. Sua voz deve ser ouvida por todos da sala, transmita simpatia ao falar, procure olhar para todos e mantenha postura e voz o mais natural possível.

Equipamentos audiovisuais ajudam bastante na apresentação mas deve-se tomar alguns cuidados como: certificar e testar o equipamento antes para ver o funcionamento e se você saberá realmente manuseá-lo, e não fazer o slide de cola no qual ficará lendo apenas, ele deve ser um roteiro.

Ao concluir sua apresentação fale sobre a satisfação em fazê-la em ter pesquisado sobre o assunto. Agradeça ao professor pela oportunidade de expor tal conteúdo.

Apresentação em público

Para uma boa apresentação em público é necessário seguir um roteiro. Toda boa apresentação tem um roteiro.

Preparação do terreno:

  1. Definir o tema e objetivo da palestra;
  2. Verificar o perfil e a quantidade do público
  3. Tempo de duração da apresentação
  4. Tamanho do espaço físico
  5. Quais os recursos que você terá disponível para incrementar sua apresentação
  6. Verificar a localização do evento para não ter constrangimentos.

Após seguir esse roteiro se inicia a apresentação.

De forma alguma o palestrante poderá se atrasar, o ideal é chegar trinta minutos antes do horário marcado.

Posteriormente vá para um local isolado, faça uma revisão do conteúdo, relaxe com exercícios de respiração.

Apresentação pessoal

O palestrante deve estar bem vestido mas sem exageros ou ostentação. Deve-se vestir de acordo com o local, tipo de evento, horário, entre outros.

Deve-se estar elegante mas sem exageros, sem brilhos. Os homens bem vestidos, normalmente com um bom terno neutro em suas cores. As mulheres com roupas de cor neutra sem exagerar nos acessórios.

E inicia-se de fato a apresentação

Ao iniciar a apresentação deve-se fazer uma saudação não muito longa e sem muitos elogios a fim de que não cause constrangimentos.

O início da apresentação é um momento crucial devido a tensão do primeiro contato com o público.

A forma mais comum de cumprimentos iniciais a plateia é a tradicional: “Senhoras e senhores” é clássica e evita erros.

Após os devidos cumprimentos se desenvolve a apresentação que deverá ser feita de forma clara e objetiva de modo que o público entenda tudo que está ouvindo.

Seja você mesmo e fique alerta a reação da plateia. Se perceber inquietude ou desmotivação, faça uma pausa ou aplique uma dinâmica para estimular atenção.

Não se pode jamais esquecer de sempre estudar e preparar a apresentação. Um dos maiores erros e mais grave é o de se achar tão seguro e confiante ao ponto de não fazer a preparação prévia.

Para se sair bem em uma apresentação o mais importante será sempre preparo e domínio do conteúdo.

Não podemos esquecer da importância da voz e o seu tom, sempre com base no local da apresentação. Se necessário usar microfone, teste e faça um pequeno treinamento utilizando-o. A gesticulação também é um ponto que se deve tomar cuidado, em uma apresentação não se deve “falar com as mãos”. As pessoas acabam prestando mais atenção aos seus gestos do que em sua voz.

Feita a introdução e desenvolvimento de maneira correta e dentro do prazo que foi programado,daremos início a conclusão que nada mais é que uma síntese de tudo que foi explanado.

Nesta fase cabe observações pessoais, podendo citar frases de efeito positivo ou ainda um elogio a plateia. E finalmente um “ Obrigada a todos pela presença”.

Abre-se então espaço para questionamentos. Quando vai fazer uma palestra na qual haverá espaço para dúvidas, o emissor deverá estar preparado. É importante que o próprio palestrante faça alguns questionamentos, dando espaço aos demais. Se por ventura houver algum questionamento que não sabe responder basta, cordialmente falar que estudará sobre o assunto e responderá por e-mail.

Outros tipos de apresentação

Há outros tipos de apresentação como rádio e televisão onde deverá verificar o local com maiores detalhes, questões relacionadas ao tempo e as formas como serão explanadas as ideias. Se será individual, se será ao vivo dentre outras questões relativas a este tipo de comunicação.

Ainda sim como falado por diversas vezes, é fundamental o domínio do assunto e uma preparação prévia.

Política

Independentemente da esfera ou público, a oratória deve ser praticada de forma clara e acessível a todos, variando de acordo com o ambiente, a situação e o público. Para quem deseja uma vida política, é preciso ter consciência do que deseja dizer ao público. Para isso, organize-se mentalmente sobre o que pretende dizer; as ideias e a mensagem devem ser apresentadas de forma clara e convincente.Busque ser persuasivo se quiser ter sucesso.

Além de ser persuasivo, ou seja, ter carisma, deve-se adequar a linguagem de acordo com as pessoas que se vai falar.

Vendedor e político são indivíduos interessados em obter algo do seu público-alvo. No desempenho de sua atividade, são pessoas que buscam “alguma coisa que as pessoas têm” e nas quais estão intensamente interessados. Por esta razão, devem estar preparados para superar reações e barreiras de defesa a fim de que seus argumentos possam ser vistos com boa vontade e posteriormente conseguir o que deseja.

Notas finais

A comunicação possui regras e técnicas as quais foram ensinadas nesse microbook. Para quem deseja ter sucesso em sua vida profissional ou pessoal basta aplicá-las. Seguir os roteiros.

Dica do 12':Após a leitura desse microbook e aplicação de suas técnicas, só não terá sucesso profissional quem não quiser. Alcançar a capacidade de falar em público só depende de você. Vamos palestrar?

Cadastre-se e leia grátis!

Ao se cadastrar, você ganhará um passe livre de 3 dias grátis para aproveitar tudo que o 12min tem a oferecer.

ou via formulário: