O 'ano que vem' chegou!

Para de deixar para depois. Aproveite 44% OFF no 12min Premium!

208 leituras ·  0 avaliação média ·  0 avaliações

Assuma o comando da sua vida

Assuma o comando da sua vida Resumo
Autoajuda & Motivação

Este microbook é uma resenha crítica da obra: 

Disponível para: Leitura online, leitura nos nossos aplicativos móveis para iPhone/Android e envio em PDF/EPUB/MOBI para o Amazon Kindle.

ISBN: 978-65-5544-050-8

Também disponível em audiobook

Resumo

Em qual grupo você está? 

Em todos os campos de sua vida, você irá enfrentar muitos desafios em diversos momentos. Às vezes, o casamento está incrível, mas o emprego é péssimo. Outras horas, a vida profissional está às mil maravilhas, mas o relacionamento é frustrante ou desgastado. Não estar plenamente realizado o tempo todo é muito comum. 

E é muito normal ter mais de um problema para ser resolvido ao mesmo tempo, nos desafiando ainda mais. A vida não é um parque de diversões permanente, é impossível acreditar em um entretenimento por toda a vida. 

Diariamente, Geronimo recebe muitas mensagens de pessoas cansadas, relatando não estarem onde desejariam e sem saber qual caminho tomar. Elas se sentem presas em uma vida de angústias e frustrações. 

O autor relata que, em geral, as pessoas insatisfeitas costumam se enquadrar em três diferentes perfis. Há um grupo de pessoas que desistem facilmente em meio às dificuldades do caminho. O segundo grupo aceita os empecilhos e não luta para superá-los. E o terceiro perfil nem sabe o que quer para a vida, sentindo-se perdidos o tempo todo.

Nos três casos, não há um comando da própria trajetória. As pessoas acabam se deixando levar pelas dificuldades, sentem-se infelizes e incapazes de superar as pedras no meio do caminho. Mas é possível mudar esse cenário. 

Por que queremos tanto, mas não conseguimos? 

Boa parte das dificuldades de nossas vidas tem como causa principal o medo de sermos rejeitados, ou mesmo o receio de não sermos bons o suficiente para atender aos padrões da sociedade. A sensação de estar preso e a chance de não conseguir se moldar às caixinhas e modelos vigentes causa muito medo de tentar algo novo. 

O sistema acaba nos domesticando, já que essa conduta faz com que o tempo todo as atitudes tomadas não sejam devido às escolhas individuais, mas à necessidade de agradar aos pais, professores, religião ou amigos. Nesse ciclo, é comum sentir dor e tristeza quando se percebe não viver a própria verdade. 

Por vezes, a engrenagem invisível que mantém as coisas como estão determina o certo e o errado, o estranho e o esquisito, o ideal e o que deve ser evitado. Quando essas qualificações não se adequam aos valores individuais, é preciso ter força interna para dar um chute nos valores que não se encaixam com seu perfil. Para isso, é preciso não só força de vontade, mas também traçar um bom plano para chegar lá. 

O plano para assumir o controle de sua vida

Qual é o plano ideal para assumir o comando da própria vida? Aqui, não vamos traçar como devem ser os passos a serem dados, que caminho seguir, tampouco de que maneira você deve projetar sua trajetória. 

Mas é importante deixar claro que não existem planos feitos para darem errado. Uma empresa é criada para dar certo. Um produto novo é colocado no mercado para vender. Um treinamento é dado para ser transformador. As pessoas entram nas empresas para manter seus empregos e crescer. 

Da mesma forma que esses projetos profissionais são feitos em busca dos melhores resultados, nós somos os criadores de um plano e queremos muito que ele dê certo. Todo projeto é criado para ser bem-sucedido. 

E cada um de nós é criado por um Deus, uma força superior, pela seleção natural ou pelos próprios pais. Você é um projeto desenvolvido e precisa se lembrar o tempo todo que foi criado para dar certo. Por isso, quando as coisas não estão indo pelo caminho do sucesso, é preciso rever, replanejar, repensar tudo. 

Você pode tudo. E não só pode, como deve reavaliar os próprios passos em diversos momentos de sua vida. Planos também são feitos para serem repensados constantemente, de acordo com os resultados alcançados momentaneamente.

Como criamos a nossa realidade

Passamos da metade deste microbook com uma proposta: pense numa pessoa que quer um aumento de salário dentro da empresa em que trabalha há algum tempo, ou então quer fazer uma transição interna nos rumos de sua carreira. Por mais que tenha esses desejos profundos, ela atrasa entregas, se distrai muito nas redes sociais e é a primeira a se levantar para ir embora assim que chega o horário do fim do expediente. 

Entregando o mínimo necessário para bater suas metas, quais as chances de seus projetos profissionais seguirem adiante? Mínimas, para não dizer nulas. Isso porque depois de traçar planos e metas, começamos a criar nossa realidade de acordo com as atitudes práticas tomadas no dia a dia. É preciso criar uma estratégia para alcançar resultados na vida pessoal e profissional.

Se a estratégia for extraordinária, os resultados serão extraordinários. Se for uma estratégia péssima os resultados serão péssimos. É simples, é prático, não tem segredo. De que forma você tem colocado em prática a sua estratégia para o sucesso? O desejo, por si só, não é o suficiente para uma vida plena. 

Busque ser extraordinário constantemente, para que os resultados atingidos não sejam o oposto de seus sonhos. 

Fazendo a diferença

É bom deixar claro: não existe sucesso nem fracasso pleno. Não existe nada 100% certo ou 100% errado. Há, sim, uma sequência de resultados, bons e ruins, medianos, excelentes e fracassados completamente. Todos no meio de sua jornada, com alguns desejos concretizados e outros não. Para fazer a diferença, é preciso analisar e tirar bons aprendizados de cada realização ou fracasso diante de você. 

Quer saber por que algumas pessoas conseguem assumir o comando da própria vida e outras não? Isso se dá pela forma como lidam com as frustrações, a elaboração de boas estratégias e a prática imediata das atitudes necessárias para chegar aonde se quer. Se as coisas não estão dando certo agora, mude. Se você tropeçou, bola para frente. Se tudo está no caminho certo, não baixe a guarda e não se sinta invencível.

Continue o caminho com muito trabalho e dedicação, sem descuidar, mas com atenção plena diante dos obstáculos surgidos dia após dia. Assim é possível fazer a diferença por uma vida melhor, não sem desafios inesperados, mas com a superação mais facilmente alcançada. 

No lugar errado tudo dá errado

Existem dois tipos de ambientes. O primeiro é o ambiente tóxico, no qual nossa energia parece estar sendo sugada, os sonhos são motivo de chacota, as pessoas nos colocam para baixo e o foco é apenas nos problemas existentes. O outro ambiente é o fortalecedor. É um lugar propício ao crescimento, com pessoas impulsionando nossa energia para atingir resultados esperados até chegar onde acreditamos ser possível. 

Se você ainda não alcançou a vida que deseja, pode estar frequentando o ambiente inadequado para tal. Quem se vê frequentemente em lugares tóxicos, não conseguirá comandar a própria jornada. 

É difícil admitir, mas muitas vezes temos amigos e familiares tornando um lugar que frequentamos ainda mais tóxico. Se as pessoas nos intimidam, desmerecem os rumos, menosprezam resultados alcançados e fazem o possível para minar nossa competência, é necessário mudar de rota. O processo é dolorido, machuca internamente. 

Mas não é possível ser protagonista da própria história sem estar no ambiente adequado. Como é o comportamento das pessoas nos lugares que você frequenta? Elas colocam você para cima ou para baixo? Estão juntas nos desafios enfrentados no dia a dia profissional e pessoal, ou apenas usam suas metas como chacota? As respostas a essas perguntas dirão muito sobre qual caminho seguir. 

 

O segredo para alcançar o topo 

Investir tempo na busca por uma vida melhor é um passo fundamental para começar a caminhada rumo ao topo. Só de ir atrás de conhecimento para assumir o comando da sua vida, mudando a forma de pensar e as atitudes tomadas, você já está em um grupo seleto de pessoas que não ficaram no meio do caminho.

Porque é muito comum se deparar com a sedução da desistência, rendendo-se à conformação, deixando tudo como está. Depois de um tempo, as reclamações e lamúrias voltam à carga, sem se dar conta de que o fracasso foi mera questão de escolha, não de acaso. 

O topo exige sacrifícios, estudos, dedicação e protagonismo. Para chegar ao lugar mais alto do pódio, é preciso fazer escolhas difíceis, mas necessárias e cruciais. Lá, só os mais decididos, fortes e destemidos chegam. E o orgulho sentido no lugar mais alto é impagável, uma experiência indescritível.

Depois deste microbook, a escolha está em suas mãos. Ou você muda e assume o comando da sua vida, ou permanece paralisado, reclamando do destino. Para onde você quer ir?

Notas finais 

A vida permite muito mais realizações quando está sob seu comando. E isso é questão de escolha, não mero acaso, como muitas pessoas pensam. Daqui para frente, deixe de lado as reclamações, assuma a responsabilidade por tudo que não está dando certo e mude o próprio destino. É hora de viver em sua plenitude, com momentos memoráveis e realizações incríveis. Não deixe para depois. 

Dica do 12min

Ao tomar conta dos rumos de sua própria vida, você também precisa desenvolver melhor o sentimento de se colocar no lugar do outro. No microbook Empatia, você terá a oportunidade de aprender um pouco mais sobre uma habilidade cada vez mais valorizada no mundo contemporâneo.

Cadastre-se e leia grátis!

Ao se cadastrar, você ganhará um passe livre de 3 dias grátis para aproveitar tudo que o 12min tem a oferecer.

ou via formulário:

Quem escreveu o livro?

Geronimo Theml é Coach de Produtividade e empreendedor. Largou um emprego público de advogado da União para viver pela sua paixão de ajudar pessoas a acreditarem que a vida pode ser mais e caminharem na dire... (Leia mais)