Tools of Titans

Tim Ferriss Também disponível em audiobook: Baixe nosso app para ouvir gratuitamente.

Aqui no 12, somos viciados no podcast do Tim Ferriss. O cara já entrevistou mais de 200 convidados do mais alto calibre e, a cada edição, aprendemos uma coisa nova. Celebridades como Arnold Schwarzenegger, investidores como Ben Horowitz, atletas lendários e até cientistas estão entre os titãs que passaram por lá. Para você ter uma ideia, seu podcast já atingiu a marca de 100 milhões de downloads. Em Tools of Titans, Tim nos traz um compilado de ideias fantásticas e práticas baseadas nessas entrevistas. O livro nos trazlições de vida, táticas e as ferramentas utilizadas por seus entrevistados para alcançar o sucesso, a produtividade e renome mundial.

São lições de vida práticas e profundas para que qualquer pessoa possa aplicá-las em sua vida pessoal e profissional. Aprenda agora como mudar sua vida e ter um alto desempenho com o 12'. Bora!

Os Titãs criam suas regras e ferramentas

Analisar o que os melhores do mundo têm em comum é um ótimo caminho para planejar e alcançar o sucesso. Em seu podcast, Tim Ferris sempre se importou em trazer os melhores do mundo em suas áreas: os titãs. Ele entrevistava apenas pessoas reconhecidas pelo seu vasto conhecimento e sucesso e isso fez com que ele percebesse um fator chave:

"Os Titãs criam suas próprias regras, que permitem que eles transformem sua realidade de acordo com sua vontade."

Os Titãs criam suas regras para conseguir encontrar suas forças individuais e criar hábitos ao redor delas. Em Tools of Titans, o objetivo de Tim é dissecar o que torna estas pessoas únicas e trazer a você receitas replicáveis, ferramentas para que você consiga desenvolver seu próprio sucesso.

Uma ferramenta pode ser um hábito incomum, um ritual diário, uma pergunta não convencional, um suplemento alimentar ou até mesmo um livro. O importante é que você escolha as suas e monte sua caixa de ferramentas. O conteúdo deste microbook está dividido em três principais tópicos: Saúde, Riqueza e Sabedoria. Acompanhe nossa seleção de ferramentas e divirta-se.

Saúde

Como melhorar sua força física

Pavel Tsatsouline, o criador do fenômeno por trás do Kettlebell, acredita que a força é a maior qualidade para o desenvolvimento pessoal. Ele acredita que a força é a única característica humana que pode gerar diversos outros valores, sendo uma habilidade que precisa ser continuamente aperfeiçoada.

Pavel enumera três ótimas estratégias para melhorar sua força. Primeiro, você deve treinar seu tronco. Ter um tronco forte e, portanto, ter maior estabilidade, vai aumentar sua força, mesmo com pouco levantamento de peso. Segundo, ele recomenda que você utilize uma técnica que envolve executar o levantamento de peso várias vezes ao longo do dia, como por exemplo fazer o exercício “barra fixa”, fazendo metade das repetições que você é capaz, diversas vezes durante o dia. Essa técnica é diferente da maioria dos treinamentos: em vez de treinar seu corpo para tolerar uma maior quantidade de ácido lático, você estará treinando seu corpo para produzir menos ácido lático. Finalmente, ele recomenda que você mantenha suas repetições abaixo de cinco, já que fazer mais que cinco vai ajudar a definir seu corpo e não a ganhar força.

Fazendo jejum intermitente

Um padrão comum para melhorar o desempenho atlético, a força e a clareza mental é o jejum intermitente. O atleta de alta resistência Pete Attia, o holandês Wim Hof, detentor de recordes mundiais e o cientista pesquisador Dominic D’Agostino são todos adeptos do jejum intermitente. A estratégia básica é comer uma refeição por dia em uma janela de quatro horas, seguida por vinte horas de jejum.

Essa estratégia está alinhada com a dieta cetogênica, na qual o corpo começa a usar a gordura armazenada como fonte de energia, em vez de usar a glicose. Isso resulta na queima de gordura corporal, assim como no aumento da habilidade de ganhar músculos. As dietas cetogênicas têm sido utilizadas tradicionalmente para tratar convulsões e epilepsias, e seu uso é proposto para os sintomas da doença crônica de Lyme. Os especialistas afirmam também que o jejum intermitente ajuda a expulsar células cancerígenas do corpo. As dietas cetogênicas são compostas por cerca de 80% de gordura e o amido de todos os tipos deve ser evitado. Também são recomendadas cetonas exógenas: suplementos que ajudam o corpo a alcançar ou a manter os estados cetogênicos de maior desempenho. Esses suplementos são muito caros e podem induzir enjoos e ânsia de vômito.

Abordagens diferentes para as dietas alimentares

Enquanto os treinadores e atletas são, em geral, contra a ingestão de carboidratos, muitos possuem abordagens únicas quanto à nutrição. Amelia Boone por exemplo, uma famosa atleta da corrida com obstáculos, tem uma tradição de comer biscoitos ‘Pop Tarts’ no café da manhã antes das competições. Charles Poliquin, um famoso personal trainer, acredita que as pessoas só deveriam comer carboidratos ou açúcares se possuírem um bom índice de massa corporal. Ele afirma que para comer carboidratos, uma pessoa deveria ter menos de 10% de gordura corporal.

Muitas pessoas também têm abordagens peculiares quanto aos cafés e bebidas em geral, seja café com manteiga ou suplementos próprios como a gelatina hidrolisada misturada com pó de raiz de beterraba. Algumas pessoas acreditam que a gelatina hidrolisada ajuda na flexibilidade e na recuperação do treino diário.

A técnica do AcroYoga

Tim Ferriss é um grande fã de exercícios de ginástica, mas também enaltece o AcroYoga, por sua habilidade de relaxar, liberar os músculos e preparar o corpo para o sono. Mais do que o yoga comum, o AcroYoga desenvolve força e é um pouco mais difícil. Ele explora movimentos tipicamente associados com a acrobacia. Para todos os entrevistados do livro, o treinamento de força é muito importante. A mobilidade é também um conceito muito importante, que consiste na habilidade de demonstrar a força através da flexibilidade.

Aumentando sua força muscular

Treinos de força muscular estabilizam o metabolismo do corpo, a saúde dos ossos e o nosso sistema imunológico.

Um princípio fitness importante foi definido pelo antigo treinador do time americano de ginástica, Christopher Sommer, que recomenda que o treinamento comece com as áreas de fraqueza, ou seja, as áreas que causam mais dor física. Assim, o corpo e a mente precisam ser treinados para lidar com a dor crônica. Ganhar força nessas áreas gera um senso de confiança para continuar o treinamento de força, flexibilidade e resistência em outras áreas. Uma ótima medida de sucesso, que também é um modelo utilizado por pessoas bem-sucedidas, é conseguir vencer essa barreira da dor e treinar múltiplas áreas do corpo.

Outro ponto importante é que personal trainers tendem a ter uma preferência pela extensão muscular simples, recomendando exercícios como corridas, pulos e agachamentos. Nesta abordagem, duas ferramentas muito importantes têm seus efeitos questionados por causarem impactos negativos na extensão dos nossos músculos: Os tênis esportivos e os colchões.

Os tênis esportivos geralmente têm leves elevações no calcanhar e isso faz com que eles estendam o calcanhar de Aquiles e afetem a mobilidade do tornozelo. Por isso, você deve evitá-los. Busque usar tênis que possuem as solas planas, mantendo os dedos e o calcanhar alinhados na mesma altura.

Colchões duros também mantém os músculos estendidos. Os colchões macios são melhores para o ser humano moderno – que precisa ficar sentado em um escritório ou no carro e, fora isso, é sedentário pelo resto do dia. De acordo com Dr. Kelly Starret, o fundador do San Francisco CrossFit, o lugar ideal para se dormir é em uma rede. Outra cama recomendada, mas não para dormir todos os dias, é um colchão de acupressão, que ajuda a aliviar a dor nas costas.

Medicando-se com prescrição médica

Outro tema importante é o uso de remédios com prescrição médica e o uso de suplementos alimentares. Dominic D’Agostino, doutor em nutrição, recomenda a utilização diária do remédio para diabetes Metformina. D’Agostino afirma que o Metformina pode ajudar a prevenir o câncer e é considerado o remédio anti-idade mais promissor atualmente. Ferriss afirma que diversas pessoas entrevistadas para Tools of Titans utilizam Metformina regularmente.

O médico Pete Attia toma baixas dosagens de lítio, que é uma droga contra a bipolaridade. Acredita-se que essas baixas dosagens podem melhorar o humor e as funções do cérebro. Ferriss também toma lítio regularmente.

Utilizando drogas psicodélicas

Drogas psicodélicas são ferramentas muito citadas por muitos dos indivíduos entrevistados. Acredita-se que substâncias como a Psilocibina, a Mescalina e o Ayahuasca, são capazes de separar o sujeito do seu ego e assim fornecer uma experiência transcendental. As drogas psicodélicas são utilizadas em rituais da cultura indígena há milhares de anos e alguns pesquisadores estão começando a usá-las como tratamento para depressão, vícios e até mesmo ansiedade em pacientes terminais.

Dan Engle, Martin Polanco e James Fadiman defendem o uso dos psicodélicos em micro doses e com orientações apropriadas. Eles afirmam que os psicodélicos são reparadores sociais e dissolvem o ego.

Assim como diversos especialistas entrevistados, Ferriss recomenda que, caso você venha a fazer o uso de uma dose maior de psicodélicos, faça-o na presença de um guia e em um ambiente supervisionado. Ele compartilha que suas experiências psicodélicas geraram uma melhora natural em seu humor por até seis meses e também o ajudaram a reagir e a responder de maneira diferente a seus relacionamentos. Para ele, os psicodélicos ajudaram sua vida, incluindo seus relacionamentos familiares.

Eric Weinstein, doutor em matemática por Harvard e gerente do fundo de investimentos Thiel Capital, afirmou que usar psicodélicos depois dos 40 anos de idade mudou seu percepção do mundo. Ele acreditava que os psicodélicos destruiriam seu cérebro e por isso se encontrou com diversas pessoas que os usavam regularmente. Hoje, ele entende que os psicodélicos são uma ferramenta, ou um “segredo”, para acessar maiores níveis de criatividade e para quebrar barreiras emocionais e mentais.

O uso de remédios alternativos

A campeã mundial em corrida com obstáculos, Amelia Boone, defende seu principal remédio alternativo: bandagens de mel manuka para suas feridas. O mel manuka é um mel muito caro, produzido apenas na Austrália e na Nova Zelândia, avaliado pela medicina como uma maneira de melhorar o sistema imune e de evitar resfriados. Outros remédios alternativos recomendados incluem o chá oolong, o extrato líquido da folha Gotu Kola, que acredita-se ter poder de melhorar estrias e celulites no corpo, e o vibrador Hitachi Magic Wand, utilizado para acalmar os músculos.

Riqueza

Como ser resiliente

Resiliência é uma característica comum encontrada nas pessoas entrevistadas e é um tema que se relaciona com a saúde, a riqueza e a sensatez.

Para ser bem-sucedido, muitas pessoas treinam e se preparam para o que fazem, não só nas melhores condições, mas também nas piores. Preparar-se para as piores condições capacita esses indivíduos a se levantarem quando enfrentarem fracassos e quedas.

O guru Tony Robbins tem uma rotina matinal notável para desenvolver resiliência. Sua rotina envolve mergulhos em água gelada por um tempo de 30 a 90 segundos. Isso prepara seu corpo para entrar em ação e treina sua mente: quando ele diz que vai fazer alguma coisa, como por exemplo entrar em um rio gelado, não importa se ele vai se sentir desconfortável, ele consegue fazer. Essa preparação pode ser qualquer coisa, um banho gelado ou algumas flexões. Essa é a maneira que Robbins encontrou de pensar com mais clareza.

Jane McGonigal discute outro método para desenvolver sua resiliência pessoal utilizando jogos visuais e atividades. Ela compartilha que os estudiosos de jogos descobriram que jogar Tetris, entre 6 e 24 horas depois de um episódio traumático, ajuda a prevenir o transtorno de estresse pós-traumático e outros problemas ligados ao trauma. O Tetris é uma estratégia de substituição visual que também ajuda em outros comportamentos, como as obsessões, vícios, compulsões alimentares e insônia.

Tim Ferriss compartilha sua estratégia para desenvolver a resiliência: definir o pior cenário e ensaiar com base nele. Essa técnica permite que você veja que até mesmo nos piores casos, as coisas não são tão assustadoras assim.

As características comuns de grandes investidores

Tony Robbins fez amizade com alguns dos investidores mais bem-sucedidos do mundo e tentou entender suas mentes. Ele reuniu suas quatro características mais comuns. São elas:

  1. Cortar os riscos e as desvantagens. Essas pessoas não gostam de perder dinheiro e encontram diversas maneiras para inibir os lados negativos de um investimento.
  2. Encontrar a maior quantidade de recompensa em troca da menor quantidade de risco possível. Diferente dos conselhos convencionais de investimento, esse tipo de oportunidade é real. Tony Bass comprou $1 milhão em níqueis. Ele viu que seu valor nominal era de 5 centavos por níquel, enquanto o valor do metal era de 6.8 centavos por peça, ganhando, assim, $360,000 imediatamente.
  3. Alocação diversificada de ativos, o que Robbins chama de decisão de investimento mais importante. A diversificação é necessária para investimentos bem-sucedidos.
  4. Contribuição. Para ser um investidor de sucesso, você não pode ficar parado e ser passivo. Você precisa adicionar valor de alguma forma.

Desenvolvendo a disciplina

A disciplina e a consistência diária são muito importantes, para os objetivos de saúde, fitness, financeiros e pessoais.

O soldado da Marinha e escritor ,Jocko Willink, discute a importância da disciplina. Todos querem liberdade, mas poucas pessoas têm a disciplina necessária para alcançá-la. Implementar e manter restrições pessoais permitem uma maior liberdade, mas a liberdade é impossível sem uma disciplina consistente.

O mesmo princípio se aplica aos exercícios físicos. O antigo treinador do time americano de ginástica, Christopher Sommer, treinou Tim Ferriss. Ferriss ficou surpreso em aprender que algumas progressões na flexibilidade e mobilidade só são conseguidas com a prática regular dos exercícios físicos e não com a intensidade. O grau de movimento nos tendões do joelho de Ferriss dobraram com apenas 6 meses de exercícios regulares.

Kevin Kelly dá um conselho para os leitores da revista Wired. Ele explica que no mundo moderno da tecnologia, redes sociais e distrações ilimitadas, a habilidade de manter o foco em uma única tarefa é um “superpoder”. Derek Sivers também defende essa ideia, dizendo que permitir que você seja distraído por diversas coisas de uma vez, te faz semelhante a um macaco e, de maneira paradoxal, você não consegue fazer nada. A habilidade de se focar é também é uma questão de disciplina.

Utilize o poder das afirmações a seu favor

Scott Adams, criador dos quadrinhos Dilbert, discute o poder que as afirmações têm em sua vida. Ele escolheu um objetivo específico que queria alcançar e escreveu esse objetivo em um papel 15 vezes, todos os dias. Adams afirma que o importante não é o método, mas sim seu foco e compromisso. Focando sua memória e sua mente em um objetivo particular, você está utilizando uma parte do seu cérebro conhecida como o sistema de ativação reticular. Ele descreve o resultado: o universo começa a enviar oportunidades que ele nunca imaginou, coisas que ele via como coincidências, mas que continuavam a aparecer. Um exemplo para Adams foi sua confirmação ao se tornar um autor de best-sellers, apesar de nunca ter feito nenhum curso. Depois de praticar isso, Adams publicou o livro The Dilbert Principle, que se tornou rapidamente um best-seller.

Tenha fãs verdadeiros

Kevin Kelly escreveu um artigo chamado 1.000 True Fans e Ferriss utiliza este conceito no livro. A ideia é simples: para ganhar dinheiro, você só precisa ter 1.000 fãs verdadeiros. Um “fã verdadeiro” é alguém que vai comprar tudo que você produz. É importante diferenciar que essa abordagem vai te ajudar a ganhar dinheiro, mas não a ganhar uma fortuna.

Amanda Palmer, cantora e compositora do The Dresden Dolls e criadora da TED talk popular “The Art of Asking”, oferece uma anedota que ilustra esse princípio. Ela encoraja os artistas a se focarem em um público mais selecionado, ao invés de um público amplo.

Eric Weinstein também menciona que a fama geral é superestimada, dizendo que ter uns 3.000 fãs leais é uma abordagem muito mais eficiente.

Sabedoria

Utilize diferentes técnicas de meditação

Oito de dez pessoas entrevistadas para o livro possuem práticas de meditação diárias. A meditação é uma prática de se afastar dos seus pensamentos, o que te ajuda a treinar técnicas apropriadas de respiração e de foco.

O autor também menciona tanques de flutuação como uma ferramenta para ser mais resiliente. Os tanques são basicamente banhos quentes. O ambiente precisa gerar privações sensoriais, deve ser totalmente escuro, totalmente silencioso, a água deve estar em temperatura ambiente e deve conter sal para te fazer flutuar e se sentir leve. O tanque de flutuação faz i indivíduo experimentaruma sensação livre de impulsos sensoriais, que acalma sua mente. O Dr. Dan Engle afirma que os tanques de flutuação têm efeitos calmantes parecidos com os efeitos dos psicodélicos. Eles são uma versão mais poderosa da meditação e seu uso regular pode diminuir a dor física no corpo.

Um tipo particular de meditação que é popular entre as pessoas é a meditação vipassana, praticada por Ed Catmull (fundador da Pixar Studios), Sam Harris (neurocientista e escritor) e Amanda Palmer (cantora).

O ator famoso Rainn Wilson discute o valor da meditação para superar lutas pessoais em sua vida. Ele afirma que seu estado padrão gera muita confusão mental e a meditação permite que ele saia de sua mente e estabeleça um novo padrão.

Observe a natureza

Quando você está se sentindo triste ou estressado, a natureza pode ser usada como uma terapia. BJ Miller, um médico e assessor no projeto Zen Hospice, usa o céu à noite como uma terapia. Ao observar as estrelas, ele fica emocionado e assustado ao mesmo tempo, fazendo com que suas ansiedades pessoais pareçam pequenas quando colocadas sob essa perspectiva. Miller também fala sobre o milagre de uma bola de neve. Coisas simples como uma bola de neve, te recompensam por estar vivo e presente no momento. Alain de Botton, um filósofo, oferece um sentimento parecido na forma de um conselho. Ele fala sobre a importância de amar e apreciar o poder do presente e diz que, embora todos estejamos em uma jornada, é importante aproveitar a vista no caminho.

Ed Cooke, CEO da Memrise, também observa as estrelas sempre que se sente um perdedor. Há alguma coisa diferente nas estrelas e na natureza em geral que dão poder para acalmar suas ansiedades pessoais.

Não seja tão ocupado o tempo todo

De maneira surpreendente, muitos desses indivíduos falam sobre a importância de não estar muito ocupado em sua vida diária. Por exemplo, Derek Sivers diz que ser ocupado é um sinal de que sua mente está fora do controle e caótica. Estar disponível e ter tempo para os outros e para você mesmo significa que você está no controle do seu tempo e no controle da sua vida. Maria Popova menciona a passagem de Henry David Thoreau sobre esse assunto. Thoreau diz que a cultura crônica da ocupação é uma reflexão da falta de prioridades e da falta de auto-respeito.

Tony Robbins fala sobre um sentimento parecido ao discutir a meditação. Ele afirma que 10 minutos diários é tudo que você precisa para ser eficiente e que estar ocupado não é uma desculpa válida, porque, se você não tem 10 minutos, você não tem uma vida.

Ame ao próximo de maneira incondicional

O poder do amor incondicional pelos outros e por você mesmo surgiu em repetidas entrevistas com os indivíduos do livro. Tim Ferriss, por exemplo, promove a prática da gentileza, em que você deseja a felicidade dos outros e em troca se sente mais feliz. A empatia é uma prática comum entre pessoas bem-sucedidas. Isso é consistente com o conselho de Tony Robbins, que recomenda que você pare de se focar em você mesmo. Robbins afirma que ter uma obsessão com você mesmo é uma causa constante de sofrimento. Focar-se no bem-estar de outras pessoas abre a porta para oportunidades incríveis.

Whitney Cummings compartilha sua prática de dizer as palavras “eu te amo” em sua mente toda vez que conhece uma pessoa estranha, antes mesmo de conversar com ela. Essa prática é uma maneira de garantir que ela não a está julgando negativamente. O criticismo e o julgamento negativo são uma maneira de a pessoa se sentir superior, enquanto evita a introspecção.

Jane McGonigal, compartilha sua crença de que o criticismo desnecessário pode arruinar ao dia de uma pessoa, fechando uma porta para um amigo potencial no processo. Gabby Reece compartilha sua prática: ela busca ser a primeira pessoa a sorrir para alguém e dizer ‘Olá’ – para os amigos e até mesmo para pessoas estranhas.

O escritor Glenn Beck discute a importância de manter valores de justiça, que incluem o respeito e a compaixão pelo próximo. Ser justo não é radical, mas sim uma virtude.

Notas Finais

Este microbook apresenta diversas táticas, estratégias, hábitos e conselhos que podem mudar sua vida para melhor. Ele compila inúmeros conselhos, experiências e pesquisas de pessoas bem-sucedidas em diversas áreas.

Os conselhos de Tools of Titans são 100% práticos e podem ser facilmente implementados. Qualquer pessoa pode se beneficiar dessas ideias, independentemente do seu grau de desempenho atual. Divirta-se e escolha as ferramentas que mais se encaixam em sua vida.

Dica do 12': Se você gostou desse título, que tal ler o outro best-seller do Tim Ferriss? 4 Horas Para o Corpo é um guia que vai te ajudar a perder gordura corporal, melhorar sua vida sexual e se tornar um ser humano melhor.

Cadastre-se e leia grátis!

Ao se cadastrar, você ganhará um passe livre de 3 dias grátis para aproveitar tudo que o 12min tem a oferecer.

ou via formulário: