O Poder da Positividade

Geraldo Rufino Também disponível em audiobook: Baixe nosso app para ouvir gratuitamente.

Todos sabemos a importância de cultivarmos pensamentos positivos em nosso dia a dia. Mas, como conseguir isso se vivemos em um mundo repleto de maldades e tragédias?

Para responder a essa e outras questões fundamentais, Geraldo Rufino demonstra como o Poder da Positividade pode ser empregado para obter sucesso em todos os campos, independentemente da gravidade e da complexidade dos problemas que temos pela frente.

Se você se interessou pelo assunto, venha conosco aprender, em apenas 12 minutos, como adotar uma postura de extrema positividade e superar os obstáculos que o impedem de viver plenamente. Boa leitura!

O valor da sua vida

A gratidão é a chave para solucionar os mais graves problemas da sua vida. A seguir, é necessário sorrir para deixar a energia fluir e se abastecer com boas vibrações. Dessa forma, você consegue evitar sentimentos negativos como o ódio.

Na realidade, o ódio é um sentimento tão ruim que é preciso descartá-lo. Afinal, grande parte das enfermidades têm sua origem em sentimentos negativos que nós mesmos produzimos.

Você tem poderes para produzir tudo. Então, por que produzir depressão, baixa autoestima, doenças? Não se permita sentir ódio por ninguém, mesmo nas situações em que você estiver com a razão. Além de ser uma atitude sábia, amar o próximo fará bem a você.

Ao sentir ódio, o seu corpo desperta uma reação química que faz mal a você. Qual o sentido de passar por tal coisa? Abra a mente para o amor, pois ele é leve e capaz de deixar sua vida ainda melhor.

Você mesmo se afunda e não percebe

Quando alguém fizer algo negativo a você, sinta pena dessa pessoa. Talvez ela esteja com um problema e, no fundo, não desejava agir dessa forma. Se for capaz de proceder desse modo, a negatividade ficará com ela e não o atingirá.

Procure ajudar as pessoas e não espere reciprocidade. Ajude e pronto. Não espere receber nem mesmo um “muito obrigado”. Seja grato pela oportunidade de ajudar, pois nem todos tem esse privilégio.

Programe o seu cérebro para não esperar nenhum retorno. Use esse espaço para preenchê-lo com cuidado e amor por si mesmo, de tal forma que não precise isso dos outros.

Reconecte-se com os seus valores

Todos os seres receberam o melhor de Deus. Todavia, nem sempre percebemos essa simples verdade, pois, prestamos tanta atenção nos outros que acabamos não percebendo os dons maravilhosos que recebemos ao nascer.

Os seus valores devem apontar, sempre, para a solução de qualquer problema. Considere que, primeiro, você veio ao mundo e, depois, vieram os problemas. Essa anterioridade não é mera coincidência: significa que é você quem gera os seus próprios problemas!

Quanto antes compreender que é você quem cria todas as situações difíceis pelas quais passou ou está passando, mais cedo perceberá que, da mesma forma que criou o problema, você também pode extingui-lo.

Família é a base

A família é a base da sociedade e da vida individual. Então, considere-a como o melhor networking que você poderia fazer, como as interações e relacionamentos que devem ser afinados e treinados e que, assim, trarão o maior resultado.

Trata-se de um networking especial e único. Ele começa pela manhã, quando você se levanta para fazer o café do seu amor, quando persuade sua filha a fazer aquela tarefa obrigatória da escola, mas que, se feita por obrigação, não gerará nenhum aprendizado para ela.

É na família que você aprimora e aprende novas habilidades. Convivendo com as pessoas que mais importam para você é que você consegue se tornar um ser humano melhor e se fortalece para as batalhas diárias.

Humildade

Mais do que adotar uma certa postura diante da vida, ser humilde implica em acreditar na bondade das pessoas e encarar o mundo como um parque repleto de amigos. Todos os indivíduos são bons por natureza. Claro, há pessoas de outro tipo, que cometem maldades indescritíveis, mas são seres doentios, anormais.

Um ser humano que deliberadamente machuca e agride o seu semelhante, que não respeita a felicidade, o corpo, a vontade dos outros, cometendo crimes e cometendo maldades, não pode ser considerado normal.

A humildade nos ensina que podemos andar por um mundo afável, pois ninguém é melhor do que ninguém. Se você pensar assim, verá amigos por todos os locais, aonde quer que vá, em qualquer ser humano que encontrar.

Permita-se voltar a ter 8 anos e se conectar com quem está próximo. Nesse convívio, abstenha-se de interesses e de segundas intenções. Para Rufino, um dos maiores segredos para ser feliz reside em conhecer cada pessoa em sua essência, indo além das aparências externas.

Positividade

Encare tudo na vida com positividade e preste atenção apenas nos aspectos positivos dos outros e de si mesmo. Ao agir assim você receberá boas coisas em troca, por sinergia.

Quando você passar a ser mais gentil com os outros logo perceberá que está mais gentil, também, consigo mesmo. Assim, deixará de se enfurecer com a demora nas filas, com os xingamentos no trânsito etc.

As partes ruins compõem, no máximo, apenas 10% da realidade da vida. Aumentar a gentileza fará com que você receba gentileza de volta e, aos poucos, ajudará na criação de ambientes menos hostis e dará sua contribuição para construir um mundo melhor para todos.

Paixão

Se você acha que tem algo faltando em sua vida, talvez tudo o que você precise é redescobrir a paixão por tudo o que faz e por si mesmo.

Infelizmente, muitos indivíduos consideram que os bens materiais são mais valiosos do que aquilo que carregamos em nossa alma. Todavia, o autor relata que conheceu milionários sem paixão e que não há nada mais triste do que isso, pois são seres com um profundo vazio.

A ausência de paixão pela vida mina os demais valores como humildade, gratidão, saúde, espiritualidade e relacionamentos. Os nossos valores formam um círculo virtuoso no qual um nutre e alimenta o outro.

Sendo assim, quando uma pessoa perde a paixão e não tenta recuperá-la em sua vida, é como se decidisse ser infeliz, permitindo que as batalhas da vida percam o sentido.

Isso significa que sem paixão você não pode enxergar o sentido maior dos obstáculos e das dificuldades e, por não dotar de significância tudo o que vivencia, você deixa de gerar anticorpos para lutar contra a ganância e o egoísmo.

A maior parte de sua resistência emocional é produzida na interação com outras pessoas, no calor das lutas diárias, em encarar a vida mantendo um sorriso genuíno no rosto.

Não julgar

Abster-se de julgar impede que você também seja julgado e, assim, vocês conseguirão se conectar, ter uma relação humanizada, cresçam como pessoas. A partir desse ponto, tudo se torna mais fácil.

Os seus valores se manifestam quando você pensa e age para se converter no melhor ser humano que puder. Você pode fazer isso e auxiliar os outros a fazerem o mesmo, criando um poderoso círculo virtuoso.

Não há, em termos absolutos, nada que seja errado ou certo, ruim ou bom. O que é aceitável para um pode ser reprovável para outro. Na prática, não se trata de bom ou ruim: os seres humanos são diferentes, não piores ou melhores que os outros.

A ciência já comprovou esse fato quando descobriu que não existem impressões digitais ou DNAs iguais em um mundo com 8 bilhões de indivíduos!

Se todos somos membros de uma mesma espécie – a raça humana – o que nos impede de conviver? Por que desejamos que as pessoas sejam iguais a nós? Embora deva o conceito de igualdade deva prevalecer nas leis e no Direito, nos aspectos físicos e espirituais somos diferentes e precisamos aprender a respeitar isso!

Praticar o bem

Faça o bem espontaneamente. Rufino sustenta que não há nada mais gratificante do que promover, por meio de atos concretos, a aliança entre a espontaneidade e a bondade. Cuidar das pessoas gera uma maravilhosa sensação de vitalidade e renovação.

Certamente, você já vivenciou a sensação boa de ajudar uma pessoa que realmente precisava de seu auxílio. Então, permita que esse sentimento entre na sua vida com maior frequência e, de quebra, você ganhará novos amigos!

Ser feliz

O mundo é tão grande e há tantos valores e formas de se refazer, de se completar e ser feliz que é surpreendente como tem pessoas que ainda pensam que a resposta é acumular riquezas, considerando que o conforto material pode remediar um coração ferido.

Se você observar atentamente, perceberá que os sortudos da loteria, em sua maior parte, não são felizes e que a maioria dos milionários também não é feliz. Por que? Porque deixaram que os bens materiais suplantassem o seu ser.

Não deixe os contratempos da vida – tanto os grandes quanto os pequenos – adquirirem poder sobre você e a sua felicidade. Não entregue a chave da sua alegria na mão dos seus sucessos ou fracassos. Seja feliz por estar vivo: você está aqui, Deus já o ajudou!

Seja irritantemente feliz, acorde assoviando, cante no chuveiro, conecte-se com as pessoas, abrace seus amigos – esse é o verdadeiro poder! Não há nada mais valioso do que as pessoas: você veio ao mundo para ser feliz ao lado delas.

Não existe final que não seja você quem ditou

O seu conteúdo interno é composto por tudo o você cria no mundo. Se você não o utilizar para agir de acordo com os seus propósitos, desperdiçará a sua missão nessa vida, não exercerá o seu poder e nem deixará sua marca.

Faça com que sua vida seja a perfeita expressão dos valores que você guarda em sua alma, em seu coração e em sua mente. Os seus sonhos nasceram com você, eles também fazem parte do seu conteúdo interno.

Portanto, não desperdice nem mais um minuto: construa agora um final lindo para o enredo de sua existência e não abra mão de ser feliz até o último suspiro.

Notas finais

Você não precisa ficar procurando uma confirmação de que, realmente, está no caminho certo ou de que merece a felicidade: olhe para o espelho, respire profundamente e lembre-se de que você está vivo!

Deus ajudou você. Reflita: é realmente necessário obter mais provas? Claro que não! O Criador já indicou, por meio da sua existência, que você merece ser feliz e vivenciar seus valores. Portanto, não permita que a insegurança habite sua mente. Tudo vai dar certo!

Dica do 12min

Se você gostou deste microbook, assista uma entrevista com o autor na qual ele compartilha lições que ajudarão você a enriquecer desenvolvendo a liderança e o amor ao próximo.

Cadastre-se e leia grátis!

Ao se cadastrar, você ganhará um passe livre de 3 dias grátis para aproveitar tudo que o 12min tem a oferecer.

ou via formulário: