×
44% OFF

Não deixe suas metas para 2022

Assine 12min Premium por apenas R$0,46/dia e aprenda mais em menos tempo!

973 leituras ·  0 avaliação média ·  0 avaliações

Lucrando com tudo - resenha crítica

Lucrando com tudo Resenha crítica
Desenvolvimento Pessoal

Este microbook é uma resenha crítica da obra: Lucrando com tudo: 70 hábitos para você lucrar todos os dias

Disponível para: Leitura online, leitura nos nossos aplicativos móveis para iPhone/Android e envio em PDF/EPUB/MOBI para o Amazon Kindle.

ISBN: 

Editora: Editora Independente/Não Encontrada

Também disponível em audiobook

Resenha crítica

Antes de tudo

Os hábitos expostos daqui para frente foram divididos em três partes. Na primeira, falamos sobre como empreender imediatamente com novas fontes de renda. Na parte dois, tratamos de inteligência financeira. E a última parte conta com hábitos de expansão. 

Essa coletânea tem origem em muitas pesquisas e estudos do autor. 'Bora lá?

Renda, renda e renda

Hábito 1: Escreva. Dificilmente alguém vive disso, mas é uma boa forma de criar uma renda passiva, com o passar do tempo, transmitindo conhecimentos.

Hábito 2: Crie um treinamento na sua área, depois de ler bons livros e podcasts sobre o assunto.

Hábito 3: Depois de criar um bom treinamento, é preciso aperfeiçoar. Fazer com que ele melhore continuamente.

Hábito 4: Crie um canal no YouTube ou no IGTV. Lá, poste vídeos sobre assuntos do seu interesse para ir criando autoridade no assunto. 

Hábito 5: Outra boa forma de aumentar sua renda é criando uma loja de dropshipping, um modelo de revendas sem guardar estoque, que fica todo com os fornecedores.

Hábito 6: Também dá para virar um afiliado na venda de cursos, serviços e produtos.

Hábito 7: Quer mais? Então crie uma área de membros no mundo virtual para debater sobre um assunto que você domina. É uma boa maneira de aumentar sua autoridade na sua área de atuação.

Hábito 8: Treine muito e assista a palestras. Logo mais, você estará lá, falando para grandes públicos.

Hábito 9: Crie uma consultoria on-line ou presencialmente. Tire dúvidas, demonstre sua autoridade na área de atuação. 

Inteligência financeira ou dinheiro no lixo

Hábito 10: Crie uma planilha de controle de gastos para ser atualizada diariamente. 

Hábito 11: Você precisa se livrar urgentemente das contas e despesas inúteis.

Hábito 12: Lembre-se que o minimalismo é um hábito de educação financeira, não um voto de pobreza.

Hábito 13: Comece agora a trabalhar para uma reserva de emergência.

Hábito 14: Em compensação, tenha uma conta de liberdade para colocar dez por cento de todos os seus rendimentos.

Hábito 15: Fuja da corrida dos ratos, que se resume em trabalhar, criar contas, trabalhar para pagar as contas, criar mais contas, trabalhar novamente e assim por diante.

Hábito 16: Seu número de ativos deve ser o dobro que o de passivos.

Hábito 17: Todo investimento em conhecimento, networking e experiências nunca é demais.

Hábito 18: Corte os gastos desnecessários, questione-se constantemente se não está torrando mais do que deveria.

Hábito 19: Doe para instituições de caridade. De coração, sem esperar uma recompensa. Quem não quer um mundo melhor?

Vamos expandir esses rendimentos?

A última parte é a que traz mais hábitos novos. Vamos a eles?

Hábito 20: Busque uma referência naquilo que você quer e se espelhe nela.

Hábito 21: Ande sempre com pessoas mais bem-sucedidas financeiramente.

Hábito 22: Aprenda a dizer não.

Hábito 23: Não seja reativo, mas sempre propositivo.

Hábito 24: Produza setenta vezes sete o esperado de você.

Hábito 25: Não tenha vergonha de abordar desconhecidos para falar de assuntos aleatórios, isso é um bom treinamento.

Hábito 26: Já tentou vender algo incomum para pessoas aleatórias? Tente, é um ótimo exercício.

Hábito 27: Leia a biografia de pessoas bem-sucedidas, elas servem como bom exemplo e inspiração.

Hábito 28: Aliás, ler livros constantemente é fundamental.

Hábito 29: Ponha a cara a tapa, saia da zona de conforto constantemente. Comece gravando e postando stories constantemente.

Hábito 30: É clichê, mas é a pura verdade. Cuide do seu jardim que as borboletas aparecem.

Hábito 31: Siga a regra dos três segundos. Ao se deparar com uma oportunidade, não deixe passar mais que três segundos, vá lá e faça.

Hábito 32: Seja como a água, que se modela aos ambientes.

Hábito 33: Fuja das superstições, elas são inimigas do lucro.

Hábito 34: Entenda que todo mundo é um potencial comprador, não hesite em mostrar seu produto ou serviço.

Hábito 35: Faça o que for necessário, não o que for conveniente.

Hábito 36: Não tenha uma mente obesa e preguiçosa.

Hábito 37: Se algo não é útil, descarte.

Hábito 38: Se é útil, aplique na prática.

Hábito 39: Mostre para todo mundo que você é o melhor no que faz.

Hábito 40: Sempre se pergunte sobre o motivo de tudo.

Hábito 41: Ouça audiolivros enquanto fizer atividades não relevantes.

Hábito 42: Seja organizado, implacável e simples. Como a Apple, tão bem-sucedida.

Hábito 43: Não tenha vários objetivos, vá com calma, mas cumpra cada um deles.

Hábito 44: Não se preocupe com detalhes tão irrelevantes e pequeninos.

Hábito 45: Seu nível de sangue no olho sempre pode aumentar.

Hábito 46: Sua responsabilidade também.

Hábito 47: Distraia-se, não deixe acumular estresse.

Hábito 48: Mire sempre no futuro.

Hábito 49: Você precisa crer para ver, não ver para crer. Acredite, vai dar certo.

Hábito 50: Familiares querem sobrevivência e conforto, não expansão. Então, cuidado com os conselhos. 

Hábito 51: Siga sempre um planejamento semanal.

Hábito 52: Quem chega primeiro bebe água limpa. Esteja sempre antenado.

Hábito 53: Saiba de cor os termos usados na sua área de atuação.

Hábito 54: Não seja dependente apenas do dinheiro.

Hábito 55: Ouça a opinião dos outros, ponderando o que é bom ou ruim.

Hábito 56: Mantenha uma postura ereta, impositiva.

Hábito 57: Treine falar em público, uma hora será necessário.

Hábito 58: Não tenha vergonha de ser cara-de-pau.

Hábito 59: Depois, torne o jeito cara-de-pau uma filosofia de vida.

Hábito 60: Busque aprender novas habilidades.

Hábito 61: Depois de aprender, pense em formas de lucrar com as novas habilidades.

Hábito 62: Em um passo além, pense em como lucrar sem fazer nada. 

Hábito 63: Comece a pensar num mundo cada vez mais trabalhando em home office.

Hábito 64: Pense em termos remotos, resolvendo problemas a distância. 

Hábito 65: Foque no trabalho como forma de ter sua liberdade e da sua família.

Hábito 66: Fique atento às tendências.

Hábito 67: Aprenda novos idiomas.

Hábito 68: Valorize a inteligência emocional.

Hábito 69: Coloque esses hábitos em prática.

Hábito 70: Por fim, pense em mindfulness. Foque no aqui e agora, sem se perder com expectativas falsas e em traumas do passado.

Notas finais 

Ufa! Quais desses hábitos você já tinha aplicado no seu dia a dia? Muitos? Poucos? Agora não tem mais desculpas para reclamar. Coloque esses novos hábitos em prática. Já.

Dica do 12’

Os bons líderes sabem da importância de melhorar os hábitos por melhores resultados. Por isso, ouça o microbook Faça do coaching um hábito e aprenda uma forma simples e prática de gerenciar grupos.

Cadastre-se e leia grátis!

Ao se cadastrar, você ganhará um passe livre de 3 dias grátis para aproveitar tudo que o 12min tem a oferecer.