Criação de Riqueza

Paulo Vieira Também disponível em audiobook: Baixe nosso app para ouvir gratuitamente.

Em “Criação de Riqueza”, Paulo Vieira, presidente da Febracis e PhD em Coaching, oferece um verdadeiro guia para os leitores que querem mudar as suas condições financeiras e atingir os mais altos níveis de prosperidade.

Se você tem atravessado situações complicadas ou ainda não conseguiu alcançar o nível financeiro que deseja, descubra em apenas 12 minutos o que fazer para destravar todo o seu potencial de realização e criar riqueza para você e sua família. Boa leitura!

Estado atual financeiro

O nosso autor relata que, ao iniciar um de seus programas de coaching, o primeiro passo consiste em identificar o estado atual, isto é, onde o indivíduo se encontra  naquele exato momento, segundo o tema em questão.

Se, por exemplo, a carreira profissional é o tema, ele busca compreender e clarificar como e onde está a carreira profissional daquele indivíduo.

Caso o objeto abordado seja o relacionamento conjugal, o método de Vieira elenca as informações necessárias para elucidar aquela realidade. O mesmo se dá no coaching financeiro, a partir de elementos como:

  • fonte de renda média;
  • valor das contas a serem pagas mensalmente;
  • total de dívidas e o juro relativo a cada uma delas;
  • total de investimentos e aplicações;
  • alocação de investimentos;
  • rentabilidade por investimento;
  • patrimônio líquido.

Com todos os dados levantados é possível caracterizar a situação real das finanças daquela pessoa. Devemos compreender que não se trata de “achismos”, mas a dura realidade financeira.

Quando somos confrontados com a realidade, podemos responder de duas maneiras principais: interpretá-la como fonte de contentamento e prazer pela conquista; ou gerando uma dor que, se for canalizada, poderá ser utilizada como um poderoso trampolim para os próximos níveis.

É, de fato, a consciência do atual que demonstra onde nos encontramos nessa jornada e o quanto ainda falta avançar rumo aos objetivos predefinidos

Quando você tem clareza de onde está em sua vida financeira e aonde quer chegar, isso significa que você tem marcados os dois pontos que delimitam sua jornada: o ponto de chegada e o de partida.

As armadilhas da riqueza

Vieira afirma que até mesmo a riqueza pode ocasionar algumas armadilhas. A falta de atenção a esses elementos pode prejudicar significativamente o seu caminho até a prosperidade e o sucesso financeiro. Confira:

Guardar dinheiro para os dias difíceis

As pessoas que buscam poupar para os dias difíceis tendem a negligenciar os mecanismos mentais. A maioria faz, para si mesmo, afirmações como: “ainda bem que tenho guardado esse dinheiro ao longo dos últimos 10 anos. Afinal, como seria minha vida agora caso não pudesse dispor dessa quantia e, assim, resolver os meus problemas?"

Na realidade, porém, se essas pessoas não tivessem dinheiro armazenado para superar os dias mais difíceis, os problemas provavelmente não aconteceriam.

Para o nosso autor, esses poupadores não percebem que estão repetindo uma autossugestão capaz de produzir uma nova realidade seguindo uma lógica que consiste em:

  • esperar pelos dias difíceis;
  • guardar dinheiro para tais dias;
  • atrair ou produzir dias difíceis;
  • gastar o dinheiro guardado com os dias difíceis.

Tenha em mente que o sucesso não reside somente naquilo que fazemos, mas também no como e no porquê fazemos. Não há problemas em ter dinheiro armazenado e utilizá-lo em eventuais emergências. Os problemas acontecem quando você estabelece a meta de ter dinheiro para gastar nos dias difíceis.

Ficar rico pelo sentimento errado

Quando um indivíduo busca enriquecer pelo sentimento certo, tanto o caminho trilhado como o final da jornada até a sonhada prosperidade são sempre benéficas.

Não obstante, quando a busca pela riqueza se converte em raiva ou rancor do que a pessoa viveu no passado, pelo temor de vivenciar novamente as frustrações e limitações da pobreza ou quando procura a riqueza para se autoafirmar ou compensar sentimentos de inferioridade, não apenas o caminho é mais árduo como também o enriquecimento não trará paz de espírito.

Achar que não tem muito a aprender

Vieira sustenta que o enriquecimento depende de 3 variáveis-chave: rentabilidade sobre investimentos, poupança para investir e renda mensal. Dessa forma, ricos são aqueles que dominaram o saber nesses 3 pontos.

Isso significa que os ricos devem saber como elevar suas rendas, como poupar o máximo do que ganham e, também, necessitam ser especialistas em investimentos.

Se você não se dispuser a dedicar o tempo necessário para aprender a dominar essas variáveis, suas únicas alternativas de enriquecimento serão: ganhar na loteria, se casar com alguém que as domine ou receber uma grande herança.

Correr atrás do próprio rabo

Um dos segredos mais bem guardados dos ricos consiste em formar mais ativos que passivos. Sem embargo, em termos práticos, o que ocorre é que, quando os indivíduos ganham mais, também gastam mais dinheiro na formação de passivos e na aquisição de bens de consumo.

Para esclarecer, Vieira define os conceitos de ativos e passivos, segundo o mindset da construção de riqueza:

  • ativos: tudo o que pode ser criado ou adquirido, dando-lhe dividendos ou renda. Desse modo, um ativo ajudará a elevar seu poder aquisitivo ou garantir a sua independência financeira. Exemplos: royalties, direitos autorais, imóveis para locação ou venda etc.;
  • passivos: conceito exatamente oposto, engloba tudo o que pode gerar despesas periódicas. Enquanto um ativo pode aumentar sua renda e poder aquisitivo, um passivo reduz, na medida em que compromete uma parte dos seus ganhos com novos gastos. Exemplos: dívidas contraídas para arcar com bens consumíveis, gastos com automóveis, casas de praia, apartamentos residenciais etc.

Modelo mental

O modelo mental proposto pelo autor é a articulação dos atos, sentimentos e pensamentos corriqueiros e frequentes de um indivíduo e que, combinados, produzem as suas crenças. Dito de outra forma, os programas mentais ou as crenças podem ser refeitos quando alteramos qualquer desses 3 canais neurológicos.

Se a sua comunicação financeira não for positiva, você gerará apenas resultados e crenças negativas. Similarmente, se os seus pensamentos forem, de fato, positivos, os seus resultados e as suas crenças também serão. Afinal, bons sentimentos geram progresso e maus sentimentos produzem fracasso.

Fator de enriquecimento

Ser rico não se resume às condições monetárias. Trata-se, antes de um estilo de vida e estado de espírito de abundância, dentro dos seus próprios termos e contextos. Ser rico é, assim, um estilo emocional, uma forma diferente de sentir, pensar e se comunicar.

Esse estilo emocional é, justamente, o que produzirá os seus comportamentos financeiros (positivos ou negativos). Para ter uma vida abundante e rica, você deve se lembrar de que a prosperidade e a riqueza guardam, na realidade, pouca relação com o dinheiro em si.

Para o autor, o dinheiro deve ser considerado uma energia emocional, isto é, a manifestação das suas emoções e a concretização de suas ideias e crenças sobre o mundo à sua volta e sobre si mesmo.

Querer ser rico

A vontade de ser rico é, sem dúvida, um primeiro requisito para o enriquecimento. Cultivar esse desejo fará toda a diferença. Muitos dizem que têm vontade de prosperar e enriquecer e, realmente, eles querem isso. Porém, será que querem o bastante?

O sucesso é uma construção das pessoas que se mostram capazes de adiar os prazeres imediatos em prol de um prazer futuro ainda maior. Isso não é difícil de entender.

Quem é aquele indivíduo que passou em um concurso superconcorrido? Foi aquele que, durante certo tempo, entrou de cabeça nos estudos, privando-se de diversos prazeres momentâneos ou aquele que, a fim de curtir a vida, fez tudo o que lhe conferia prazer imediato?

Você, obviamente, já sabe a resposta.

Sentir-se rico

Outro modo de obter riqueza material e financeira consiste em sentir-se rico hoje. Talvez você esteja se perguntando: “como posso me sentir rico se mal consigo arcar com as despesas mensais e pagar minhas contas?”

Lembre-se de que se você for capaz de sentir rico agora será mais fácil focalizar as coisas certas. Os sentimentos vêm antes das conquistas e realizações. Conforme mencionado, os sentimentos de pobreza criam e atraem circunstâncias e ambientes de pobreza, ao passo que os sentimentos de riqueza atraem e produzem circunstâncias e ambientes de riqueza.

Ser grato

A gratidão é, talvez, o mais importante requisito para a criação de riqueza. Ela deve ser expressa e comunicada por meio de ações, atos e palavras. A partir de uma intensa comunicação de gratidão surgirá naturalmente uma nova forma de pensar.

Isso significa que uma forma grata de pensar, articulada à percepção de como você é agraciado e beneficiado com as menores coisas, possibilita o surgimento de um estado de plena gratidão por tudo que o cerca.

Ser grato, inclusive, pelas coisas ruins que acontecem, produz aprendizados que só são aproveitados e percebidos pelas pessoas mais sábias. Quem consegue vivenciar a gratidão em seu dia a dia está um passo à frente dos demais, tanto em suas realidades financeiras quanto em todos os demais aspectos da existência.

Autorresponsabilidade

A autorresponsabilidade é a certeza, crença, conduta moral que permite reconhecer que cada indivíduo tem exatamente a vida que merece. O autor embasa essa afirmação no reconhecimento de que não existem coincidências e que, de algum modo, colhemos hoje o que plantamos ontem.

Contágio social

Os seres humanos encontram-se em um movimento de constante criação e recriação de suas redes de relacionamentos. Isso ocorre devido à homofilia (tendência inconsciente ou não de se vincular aos indivíduos que se parecem conosco).

Pode ser um grupo de apreciadores de vinhos, viciados em drogas, torcedores de futebol, empresários de sucesso, indivíduos com um mesmo sotaque etc. Temos a tendência de buscar quem compartilha semelhanças conosco, sejam características psicossociais, valores, sonhos, histórias de vida, interesses.

Tal mecanismo instintivo ocorre para que a própria sociedade cresça e se perpetue em determinadas direções. À medida que indivíduos parecidos se agrupam por similaridade, criam grupos que se apoiam e enfrentam desafios unidos, tornando-se capazes de crescer e sobreviver como grupo social.

O exercício do enriquecimento

Ao analisar o histórico das pessoas que conseguiram prosperar, mas não puderam manter sua prosperidade, bem como de outros que permaneceram ricas após receberem heranças e aquelas que perderam as heranças recebidas, nosso autor identificou um conjunto de comportamentos fundamentais que levam ao enriquecimento:

Para construir vidas realmente prósperas, esses comportamentos devem ser vivenciados na proporção e na sequência certas. Confira a seguir a sequência que, quando exercitadas repetidamente, produzem mudanças imediatas e extraordinárias em suas vidas financeiras:

  • pagar-se primeiro (reservando uma parte dos seus ganhos mensais);
  • pagar todas contas;
  • doar;
  • poupar para os sonhos;
  • investir para enriquecer;
  • abundar: investir, gastar ou doar.

Notas finais

Traçar metas significa se determinar a ser algo que você ainda não possui, faz ou é. Estabelecer e realizar as suas metas é se tornar diferente e, até mesmo, melhor ou mais capaz do que você tem sido. Quando você segue em direção a uma meta, deixa a zona de conforto e ativa o seu potencial adormecido.

Quem não se acostuma a estabelecer objetivos e metas tende a se concentrar nos problemas do passado, perdendo tempo com atividades improdutivas e fofocas. Isso se dá, talvez, porque ninguém nunca lhes disse que o ideal é dedicar mais tempo e esforços às suas metas.

Pessoas focadas em objetivos e metas não desperdiçam tempo com ressentimentos tolos, hábitos improdutivos ou negativos e, tampouco, com ambientes e pessoas que podem interromper sua jornada rumo à riqueza.

Dica do 12min

Gostou do microbook? Então, leia também “Smart Money” e descubra como fazer apenas bons investimentos! 

Cadastre-se e leia grátis!

Ao se cadastrar, você ganhará um passe livre de 3 dias grátis para aproveitar tudo que o 12min tem a oferecer.

ou via formulário: